Felipe Melo publica foto em que carrega no colo vítima de incêndio no Ninho do Urubu

Volante do Palmeiras voltou a se manifestar sobre a morte de Arthur Vinicius

Relacionadas

No dia do incêndio no Ninho do Urubu, Felipe Melo já havia lamentado a morte de Arthur Vinicius de Barros Silva Freitas, uma das dez vítimas da tragédia no CT do Flamengo. Nesta sexta-feira, o volante do Palmeiras voltou a se manifestar sobre a perda do jovem que completaria 15 anos no início deste mês.

"Primeiro, foi um tiro que levou um dos meus melhores amigos. Funeca, pai do Arthur, morreu muito novo", conta na legenda de uma foto em que Felipe Melo aparece novinho, com o bebê Arthur Vinicius em seus braços e acompanhado de outros três homens, um deles pai do jogador.

"Agora, um incêndio levou raiz que ele havia plantado neste mundo. Junto com o pequeno Arthur, que carreguei no colo, o fogo destruiu também os sonhos de mais nove jovens, que sonhavam, sonhavam e sonhavam", escreve o jogador do Palmeiras.

Assim como a vítima, Felipe Melo é de Volta Redonda, no Rio de Janeiro. De acordo com informações divulgadas pelo Globo Esporte, o volante do Palmeiras chegou a dividir uma casa com o pai de Arthur Vinicius e o atleta o chamava de "tio".

"A foto mostra como devemos viver intensamente o hoje. As coisas mudam nesta vida muito rapidamente", acrescentou. Felipe Melo deve volta a entrar em campo neste domingo, no clássico do clube alviverde contra o Santos. O duelo no Allianz Parque acontece às 19h e é válido pelo Campeonato Paulista.

 

MAIS SOBRE:

futebolFelipe MeloPalmeirasAllianz ParqueincêndioNinho do Urubu
Comentários