'Filho adotivo' de Cristiano Ronaldo deixa o futebol por lesão no joelho

Indonésio Martunis foi resgatado em 2004 de um tsunami e desde então mantém contato com astro português

Relacionadas

Martunis, o garoto indonésio que virou "filho adotivo" de Cristiano Ronaldo em 2005, anunciou que irá deixar o futebol por tempo indeterminado devido a uma lesão no joelho. À agência de notícias AFP, o menino de 19 anos afirmou que estava deixando seu atual clube, o PS TNI, e retornando à sua cidade natal, Aceh. 

O jovem também confirmou a mudança em sua página no Facebook. "Vou a Aceh, para que meu joelho se recupere e eu volte ao futebol se tudo ficar normal", publicou o menino que, assim muitos cidadãos da Indonésia, não possui sobrenome. 

Depois de um tsunami em sua cidade natal de Aceh, em 2004, Martunis, então com sete anos, foi encontrado na praia usando a camisa 10 da seleção portuguesa. O fato comoveu Cristiano Ronaldo, que viajou à Indonésia para conhecer o menino, que havia perdido a mãe e os irmãos no desastre. Além daquela ocasião, os dois ainda se encontraram algumas outras vezes. 

Em 2015, Martunis fechou contrato com o Sporting, de Portugal, clube que revelou Ronaldo. No entanto, ele retornou à Indonésia no ano passado, quando passou a jogar pelo PS TNI, da ilha de Java, e que disputa a principal divisão do futebol local. 

 

MAIS SOBRE:

futebolmartunisindonesiaCristiano Ronaldo
Comentários