Guardiola elege Liverpool como adversário mais difícil de sua carreira de técnico

Manchester City do treinador catalão fez grandes embates com equipe de Jürgen Klopp; Real Madrid também é citado

Relacionadas

Pep Guardiola, técnico do Manchester City não tem dúvidas sobre qual é o adversário mais complicado que já enfrentou como técnico: o Liverpool de Jürgen Klopp. As duas equipes protagonizaram uma disputa épica pelo título inglês na temporada 2018-19, com o City triunfando por um ponto (98 a 97), mas, por outro lado, o time de Klopp já conseguiu eliminar o de Guardiola da Liga dos Campeões na temporada 2017-18 - e os jogos entre os dois sempre tem muitos gols.

"Sim, por uma grande vantagem, o rival mais difícil que eu enfrentei na minha carreira foi o Liverpool da temporada passada e desta. Ele dominou todos os recordes. Se você os permitir te dominar, eles irão te prender em uma área e você não vai sair. Quando você os domina, eles correm e encontram espaços que ninguém mais acha", avaliou Guardiola em entrevista ao DAZN.

"Eles são muitos rápidos para voltarem para a defesa. Eles são muito fortes em termos de estratégia. Seus jogadores são mentalmente muito fortes. É o rival que eu tenho que pensar mais sobre como vencê-los", comentou o treinador do Manchester City.

"Se você me perguntar qual time eu tive mais dificuldade em decifrar e lidar, é o Liverpool. Nos primeiros anos que eu cheguei à Inglaterra, o Liverpool estava um pouco menor do que está agora e o Real Madrid era muito mais forte. Agora, o Liverpool é o rival mais duro que eu já enfrentei na minha carreira como técnico", definiu Guardiola.

Ainda assim, o técnico também fez elogios ao Real Madrid, adversário nas oitavas de final da Liga dos Campeões. "É um time muito forte, em todos os sentidos e historicamente, é claro, Eles me fizeram um técnico melhor. Com José Mourinho, com Pellegrini, com todos os técnicos que eles tiveram. Eles fizeram o que fizeram, ganhar três Champions League seguidas, tiraram dois títulos espanhóis do Barcelona quando o Barça dominava completamente essa competição nesta década como ninguém nunca tinha feito", relembrou o catalão.

Na partida de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões, o Manchester City venceu o Real por 2 a 1 no Santiago Bernabéu. O jogo da volta precisou ser adiado por conta da pandemia do coronavírus e ocorrerá na próxima sexta, 7 de agosto, no Etihad Stadium.

MAIS SOBRE:

futebolJosep GuardiolaManchester City Football ClubLiverpool Football ClubJurgen KloppReal Madrid Club de Futbol
Comentários