Guardiola lamenta 'solidão' de Gabriel Jesus: 'Não podemos substituir a mãe'

Técnico do Manchester City está preocupado com atacante, que agora está sem a família na Inglaterra

Relacionadas

O técnico Pep Guardiola, do Manchester City, demonstrou nesta sexta-feira estar preocupado com a situação do atacante Gabriel Jesus. Como os familiares e a mãe dele voltaram ao Brasil por estar com o visto vencido, o jogador pela primeira vez ficou sozinho na Inglaterra, situação que faz o treinador prometer tomar atitudes para não deixar o atleta desprotegido.

"Vida particular é vida particular e se eles precisarem de algo, nós estamos aqui para ajudar. Mas é claro que nós não podemos substituir a mãe dele e família quando eles não estiverem aqui. É difícil", disse o treinador ao jornal inglês The Guardian. Gabriel Jesus sempre foi muito apegado aos parentes e em especial à mãe, Vera, de quem tem até mesmo uma tatuagem no braço.

Guardiola citou que elenco do City tem jogadores como os brasileiros Fernandinho, Ederson e Danilo, mais o português Bernardo Silva, que podem ajudar Gabriel Jesus com problemas com o idioma. "A vida privada pode afetar muito a atuação em alguns casos. Então, quando você tiver algum problema, nós vamos tentar ajudar", afirmou. "Com certeza ele não está sozinho. Ele tem amigos", comentou.

 

 

MAIS SOBRE:

futebolManchester City Football ClubGabriel JesusJosep Guardiola
Comentários