Há 20 anos, Rogério Ceni fazia o 1º dos 131 gols; lembre 1ª vítima

Adinam Cardoso era o goleiro do União São João de Araras em 1997

Relacionadas

Há exatos 20 anos, em 15 de fevereiro de 1997, Rogério Ceni marcou o primeiro dos seus 131 gols com a camisa do São Paulo. O feito aconteceu aos 45 minutos do primeiro tempo e foi o primeiro gol da vitória por 2 a 0 do tricolor sobre o União São João de Araras, no estádio Estádio Doutor Hermínio Ometto, em Araras, válida pela segunda rodada do Campeonato Paulista daquele ano. 

Depois daquela falta, Rogério Ceni definitivamente se afirmou como ídolo do São Paulo, se transformando no "M1TO". Ao todo, o goleiro conquistou três Campeonatos Paulistas (1998, 00 e 05), um Torneio Rio-São Paulo (2001), três Campeonatos Brasileiros (2006, 07 e 08), duas Copas Libertadores (1993 e 05), um Mundial de Clubes (2005), uma Copa Intercontinental (1993), uma Copa Sul-Americana (2012), uma Copa Conmebol (1994) e duas Recopas Sul-Americanas (1993 e 94). 

Além disso, Rogério Ceni é o goleiro mais artilheiro da história do futebol mundial, com 131, sendo 129 em partidas oficiais e dois em amistosos. O ex-goleiro também é o jogador que mais defendeu o mesmo clube na história, com 1,237 jogos; mais venceu partidas com o mesmo clube, 648; e mais vezes foi capitão do mesmo time, 978. 

 

Primeira vítima

Todos se lembram do primeiro gol de Rogério, mas poucos sabem sobre o goleiro do União São João que não conseguiu defender aquela falta. Adinam Cardoso, de 1,90m, contou ao ESPN.com.br que levou bronca até mesmo do então presidente do clube, Zé Mario. "Tinha que começar com alguém e acabou acontecendo comigo, no União São João, há 20 anos", conta, sem mágoas. 

"No começo é sempre estranho porque você não sabe qual vai ser a sequência. Mas no caso do Rogério foi uma sequência vitoriosa, talvez seja o único goleiro que vá fazer gol em Campeonato Paulista, Brasileiro, Sul-Americana, Libertadores e Mundial", adiciona o ex-arqueiro. Atualmente, Adinam é auxiliar técnico e preparador de goleiros do Desportivo Brasil, que disputa a Série A3 do Paulistão. 

Depois daquela tarde em 1997, Adinam chegou a enfrentar Rogério outras vezes, mas "até que foram normais". Em uma delas, quando defendia o Sport, o time pernambucano venceu o São Paulo por 1 a 0 na Ilha do Retiro, em 2001. 

MAIS SOBRE:

futebolsao paulo fcuniao sao joao de ararasRogerio Ceni
Comentários