Henderson revela que Liverpool comemorou com bebidas não-alcoólicas por religião de Salah e Mané

Capitão do time inglês elogia diversidade no vestiário e exalta passado dos atacantes

Relacionadas

Jordan Henderson, capitão do Liverpool, revelou que o time levou em conta a diversidade do elenco até na hora de comemorar um título. Segundo o meiocampista, os jogadores celebraram a conquista do Campeonato Inglês 2019-20 com bebida não-alcoólica, em respeito à religião de Mohamed Salah e Sadio Mané, o islamismo.

"O champanhe era sem álcool quando levantamos o troféu por causa de Mo (Salah) e Sadio', contou Henderson ao jornal The Times. O islamismo proíbe que seus praticantes consumam ou mesmo entrem em contato com bebidas alcoólicas.

Henderson aproveitou a oportunidade para destacar que a convivência entre pessoas diferentes no clubes é muito tranquila. "Dentro do vestiário não há nada disso (intolerância), então porque não é assim no mundo lá fora?", questionou.

"Eu olho para Sadio e Mo e de onde eles vieram, e o que eles conquistaram é incrível. Eu olho para minha jornada e tenho sido muito sortudo, de uma família de classe trabalhadora, mas nunca passei por algumas das coisas que eles passaram nas vidas deles", elogiou os colegas.

Henderson é o capitão do Liverpool desde que Steven Gerrard deixou o clube em julho de 2014. O meia foi peça fundamental nas conquistas do Campeonato Inglês e da Liga dos Campeões recentemente.

MAIS SOBRE:

futebolLiverpool Football ClubMohamed SalahSadio Mané
Comentários