Ibrahimovic relata briga dos tempos de Milan em que quebrou três costelas

Na mesma entrevista, sueco fez pouco caso da MLS, campeonato onde joga atualmente

Relacionadas

Ibrahimovic não é um cara fácil de lidar. Por vezes, até mesmo seus companheiros perdem a linha com ele e entram em discussões e brigas físicas. Em uma dessas, no entanto, o atacante sueco se deu mal: quando chegou às vias de fato com Oguchi Onyewu, então seu colega no Milan. Também houve tempo para fazer pouco caso da MLS, onde disse ser uma Ferrari no meio de Fiats.

Durante uma entrevista à ESPN, o jornalista perguntou sobre o caso e Ibra não revelou o que causou o problema. "Nós estávamos treinando. Para encurtar a história, discutimos, a situação surgiu, começamos a brigar eu e ele. E ele era enorme, ele era grande. Eu me sinto grande normalmente, como jogador de futebol, mas esse cara era grande", afirmou.

Contudo, as costelas quebradas não seriam obra de Onyewu. "Essa foi um pouco diferente de quando fiz com os outros. Mas quando fomos para o choque, todos pularam em nós. E quando 15 caras estavam sobre a gente, quebrei três costelas. Mas não falei nada para ninguém, porque eu ficaria com a culpa. E depois, o que acontece no campo, fica no campo", relatou.

Em outros pontos da entrevista, Ibrahimovic tripudiou do próprio campeonato no qual joga atualmente. "Tenho que ser honesto, a MLS não está no nível da Europa. Antes jogava com jogadores que estavam ao meu nível, ou muito perto dele, o que tornava o jogo muito mais fluído. Aqui… sou como um Ferrari no meio de Fiats. E neste contexto tudo pode acontecer: o Fiat pode tornar-se num Ferrari, ou o Ferrari tornar-se num Fiat. É imprevisível", ironizou.

Atualmente, Ibrahimovic joga pelo Los Angeles Galaxy, equipe que está em terceiro na Conferência Oeste da MLS. Ele tem 13 gols, sendo o terceiro na artilharia do campeonato - o colombiano Jackson Martínez tem 15 e o mexicano Carlos Vela, 19.

MAIS SOBRE:

futebolIbrahimovicMilanMLS [Major League Soccer]
Comentários