Ídolo do Betis detona técnico do Barcelona: 'Não contrato nem como roupeiro'

Ambos trabalharam juntos no Valencia durante a temporada 2007-08 e voltam a se encontrar neste sábado, pelo Campeonato Espanhol

Relacionadas

O meia-atacante e ídolo do Betis, Joaquín, disse que se um dia chegasse à presidência do clube "verdiblanco", não contrataria o treinador Ronald Koeman, do Barcelona, nem se fosse como roupeiro.

 "Não tive a experiência mais bonita da minha carreira, não foi algo agradável e passei por maus bocados (com Koeman). Já dissemos de tudo um ao outro", afirmou o jogador, que acrescentou que "não o contrataria nem como roupeiro", em entrevista ao programa El Larguero, da rádio Cadena SER. 

Ambos trabalharam juntos no Valencia durante a temporada 2007-08 e voltam a se encontrar neste sábado, pelo Campeonato Espanhol. "(Koeman) não vai me cumprimentar e nem eu a ele", disse Joaquín.

A partida entre Barcelona e Betis está programada para acontecer às 12h15 (de Brasília), no Camp Nou. A equipe verdiblanca está na frente, em sétimo lugar, com 12 pontos. Já os catalães estão em décimo segundo, com 8. 

MAIS SOBRE:

futebolRonald KoemanBarcelona [Futbol Club Barcelona]
Comentários