Incomum: na Turquia, torcida vai à sede do clube e protesta para que técnico fique

Torcida do Trabzonspor não gostou de decisão da diretoria de demitir ídolo Ünal Karaman

Relacionadas

Os torcedores do Trabzonspor não estavam satisfeitos com uma decisão tomada pelo clube e foram até à sede do clube protestar. Mas, diferente do comum, eles não queriam que o técnico Ünal Karaman fosse demitido, e sim que ficasse no clube após perder o cargo.

Karaman é um dos grandes ídolos da história do Trabzonspor, tendo atuado no clube por nove anos, entre 1990 e 1999, e vencido duas Copas da Turquia lá, em boa parte do tempo como capitão. Ele se tornou técnico da equipe em 2018.

E não teve um mau desempenho: na temporada passada, a equipe ficou em quarto no Campeonato Turco, seis pontos atrás do campeão Galatasaray, e se classificou para a Liga Europa; na atual, caiu na fase de grupos do torneio continental, mas está em terceiro no nacional, cinco pontos atrás do líder Sivasspor, e goleou o Kayseirispor na última rodada por 6 a 2.

Ainda assim, o treinador estava em rota de conflito com a diretoria, com cobranças públicas de ambos os lados após insucessos, até que o presidente decidiu demiti-lo mesmo após o resultado positivo. A queda de Karaman motivou então o protesto de torcedores, como podem ser vistos no vídeo a seguir.

A imprensa turca espera que a diretoria do Trabzonspor reveja a situação, mas, a princípio, a ideia do clube seria trazer um técnico renomado para reverter a revolta - o alemão Félix Magath seria a primeira escolha.

MAIS SOBRE:

futebol
Comentários