Indeciso, Lugano diz estar mais próximo de aceitar proposta do São Paulo

Uruguaio pode ocupar cargo na gerência esportiva do clube tricolor

Relacionadas

Lugano ainda não definiu qual será o seu próximo passo na carreira. O uruguaio ainda mostra indecisão sobre prosseguir como jogador ou assumir um cargo de dirigente no São Paulo.

+ Clube inglês anuncia seus gols de maneira inusitada no Twitter; assista

+ Atacante do Borussia Dortmund faz menino chorar após sequência de dribles

+ Arsenal diz estar estudando forma de ajudar Eboué, em crise financeira

Em entrevista ao jornal El Observador, Lugano afirma que está mais próximo da equipe tricolor: "O mais próximo que me encontro no futebol é com a proposta do São Paulo para trabalhar na gerência esportiva, mas também tenho muitas dúvidas sobre estar preparado e isso me atrapalha um pouco neste momento de aceitar porque têm uma expectativa muito grande em cima da minha figura, e vou começar isso do zero", afirmou. 

No início do mês, o ídolo fez a sua última partida pelo clube, contra o Bahia, em jogo válido pelo Campeonato Brasileiro. A despedida comoveu não só o elenco do clube e a torcida, mas também outros ex-companheiros.

O próprio jogador afirmou que não segurou o choro: "Chorei, mas só no quarto. Meus companheiros fizeram um vídeo para a preleção do último jogo e não me disseram nada. Foi um momento muito especial porque interno, somente entre nós e todos me olhavam para ver se eu chorava. E eu lhes dizia: ‘Não, não vou chorar, em todo caso vou chorar no meu quarto ou na minha casa, mas nunca vão me ver chorando’. E não chorei diante deles", contou.

A expectativa da torcida era de que Lugano se pronunciasse ainda este ano. Mas, o atleta deve falar publicamente sobre o assunto apenas em 2018.

 

 

MAIS SOBRE:

futebolSão Paulo Futebol ClubeDiego Lugano
Comentários