Inter de Milão doa 300 mil máscaras médicas para Wuhan, na China

Cidade foi o epicentro da epidemia se espalha pelo país asiático

Relacionadas

A Inter de Milão e o presidente do clube, Steven Zhang, doaram 300 mil máscaras médicas a Wuhan, na China, para auxiliar a população e as autoridades que combatem a epidemia de coronavírus.

O clube italiano anunciou a doação nesta sexta-feira, 31, através de um comunicado. Está previsto para que as máscaras cheguem em Wuhan, cidade epicentro da epidemia que já matou pelo menos 213 pessoas, já na próxima semana.

"O suprimento chegará à cidade chinesa na próxima semana. O Grupo Suning presta apoio aos resgates desde o início da emergência, com serviços de remessa gratuita e doações de produtos importados do exterior para hospitais e instituições locais. O clube envia seus melhores desejos para a cidade de Wuhan e para toda a China: estamos com vocês, sejam fortes", escreveu a Internazionale. 

Zhang Kangyang, mais conhecido como Steven Zhang, tem 29 anos e é herdeiro do grupo chinês Suning. O executivo substituiu no cargo da presidência da Internazionale o empresário Erick Thohir. Zhang nasceu na cidade de Nanjing, na província de Jiangsu, que já registrou 168 casos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus./ANSA

MAIS SOBRE:

futebolInter de Milão [Internazionale]coronavírus
Comentários