Isso que é amor! Alemães anunciam 'fico' de atacante com 'é nosso filho da p...'

Polêmico, Mario Gomez deu uma 'mãozinha' para manter o Wolfsburg na primeira divisão

Relacionadas

O atacante Mario Gomez nunca foi um primor de técnica, mas, por onde passou, fez muitos gols. E colecionou polêmicas. Tanto é que o Wolfsburg, clube em que ele defendeu na última temporada, anunciou sua renovação de contrato de um jeito, no mínimo, peculiar.

"Citando o ex-presidente dos EUA Franklin D. Roosevelt: 'Ele pode ser um filho da p..., mas é o nosso filho d p...'", postou o clube nas redes sociais, anunciando que ele continuará defendendo as cores do time que "salvou" do rebaixamento, marcando um gol nos playoffs contra o descenso no Campeonato Alemão.

Esse gol, aliás, foi mais um caso de polêmica na carreira do veterano atacante, pois ele utilizou a mão para ajeitar a bola antes de sofrer um pênalti. O lance causou uma revolta dos jogadores e dos torcedores do Braunschweig, que exigiam o fair play de Gomez no lance.

No Wolfsburg, a reação foi exatamente contrária e a mão na bola do atacante virou até música. Logo após confirmar a permanência na primeira divisão, um vídeo em que os jogadores do clube aparecem cantando "Mario Gomez é um filho da p..." repercutiu bastante nas redes sociais. 

MAIS SOBRE:

FutebolAlemanhaFutebol
Comentários