Jadson entende momento do Corinthians e reduz salário para ficar 

Meia diz que não pensa em deixar o Brasil e que deseja permanecer no clube para ganhar mais títulos

A renovação do contrato de Jadson é uma tendência da nova postura da diretoria do Corinthians, que visa cortar gastos para tentar amenizar a situação financeira delicada vivida pelo clube. O jogador aceitou reduzir o salário para firmar um novo vínculo por mais dois anos e cogita até se aposentar no time alvinegro.

+ Jogador especulado no Fla é afastado por tentar 'furar o olho' de companheiro

+ Luxemburgo afirma que mudaria posicionamento de Lucas Lima e F. Melo

+ Assista: inglês bate recorde com 100.º gol e prepara surpresa na comemoração

"A diretoria conversou comigo e explicou a situação do clube. Falaram o quanto poderiam pagar e eu aceitei. Sou feliz no Corinthians, estou ambientado e não tenho planos de sair do País", disse o meia, que tinha vínculo até dezembro deste ano. Jadson tinha um dos salários mais altos do elenco e o Corinthians ainda tem uma dívida com ele e seus representantes, referente a luvas pela transferência do jogador. 

Estabilizado e com o apoio da torcida, o meia optou pela comodidade e tranquilidade em permanecer no Corinthians do que se aventurar em outro clube e as coisas não darem certo. Com 34 anos, o jogador já começa a traçar planos sobre sua aposentadoria.

"Quero ficar aqui e ganhar títulos, independentemente da questão financeira. Tenho mais dois anos de contrato e depois a gente vê essa questão de aposentadoria, mas pode ser (de se aposentar no clube)". 

O acordo entre Corinthians e Jadson já está apalavrado, mas ainda não houve a assinatura do novo vínculo. Entretanto, ambos descartam a possibilidade do combinado não ser cumprido. 

MAIS SOBRE:

FutebolJadsonCorinthians
Comentários