James Rodriguez lança a própria versão de Bitcoin, o 'JR10 Token'

Colombiano entra no mercado das criptomoedas e promete aos compradores vantagens como produtos oficiais

Relacionadas

O meia colombiano James Rodriguez anunciou nesta sexta-feira que vai se arriscar em um novo empreendimento. O jogador do Bayern de Munique e artilheiro da Copa do Mundo de 2014 lançou a própria criptomoeda, chamada de "JR10 Token". O bitcoin do jogador começa a ser vendido no domingo e promete oferecer vantagens aos fãs que fizerem a compra.

+ Brasileiro entra para a equipe de Fifa do holandês Gullit

+ Tite ganha festa de aniversário na Granja Comary

+ Clubes viram memes pela greve dos caminhoneiros

Jogador de 26 anos, atualmente emprestado pelo Real Madrid ao time alemão, venderá a criptomoeda em um aplicativo chamado SelfSell. Os donos dos JR10 Token devem ganhar privilégios como ofertas exclusivas de produtos oficiais do colombiano, participar de encontros de fãs e contribuir para o crescimento do nome do atleta no mercado esportivo.

Rodriguez não é o primeiro do mundo do futebol a entrar no mercado das criptomoedas. Em março, o ex-atacante inglês Michael Owen também se lançou no segmento durante evento realizado em Cingapura. No caso dele, a moeda se chamava Owen Coin.

MAIS SOBRE:

futebolseleção colombiana masculina de futebolBitcoin [moeda virtual]moeda virtual
Comentários