Joalheiro de luxo planeja visita à seleção para entregar celulares de ouro

Acabamento dourado de um celular, por exemplo, sai por cerca de R$ 14,9 mil

Relacionadas

Caso você se interesse por esporte, certamente conhece os clientes de Matthew J. Jones. Mais que isso, provavelmente é fã do futebol jogado por eles. O britânico é proprietário de uma empresa especialista em jóias de luxo e acumula diversas celebridades como clientes.

Garçom: Gabriel Jesus perde aposta e serve jantar a Neymar e Danilo

Fox Sports imita Roger Machado com 'blackface' e gera polêmica 

Top 10: confira quem são os atletas mais famosos do mundo em 2018

Para se ter ideia, estrelas como Gabriel Jesus, Roberto Firmino e Ederson já compraram objetos do joalheiro. De relógios personalizados a iPhones de ouro, o empresário e sua equipe entregam produtos de luxo feitos sob medida todos os dias.

Os valores? O acabamento dourado de um celular, por exemplo, sai por cerca de R$ 14,9 mil. Já um relógio de ouro, como o encomendado pelo goleiro Ederson, pode chegar a custar até R$ 124,2 mil. 

A perspectiva é boa: de acordo com o Uol Esporte, Matthew programa uma visita a seleção brasileira antes da Copa para conhecer novos potenciais clientes. O encontro já está marcado com 7 jogadores - dos 23 convocados por Tite. 

“Estou fazendo um telefone especial, customizado com ouro e diamantes para alguns jogadores da seleção”, revelou o joalheiro de 30 anos. “Na Copa vou entregar um telefone para um jogador do Real Madrid. E estamos trabalhando num design especial: pegamos as tatuagens de um jogador do Brasil e vamos gravar essas tatuagens em uma capa de celular e colocá-la atrás de um iPhone X. Vai ser uma surpresa e não posso dar mais detalhes para não estragá-la", contou em entrevista ao portal. 

Sergio Ramos, Álvaro Morata, Sadio Mané, Dele Alli, Raheem Sterling e Luka Modric também são clientes de Matthew. Em entrevista ao SunSport, ele conta que sua proximidade aos atletas do futebol se deu por ser filho de Mick Jones, ex-auxiliar técnico do Sheffield United.

MAIS SOBRE:

FutebolNeymarGabriel JesusRoberto Firminorelógiotelefone celularseleção brasileira masculina de futebol
Comentários