Jobson, ex-Botafogo, deixa a prisão e canta 'Livre Estou', do filme 'Frozen'

Atleta responde por ter deixado região onde é suspeito de estupro de vulnerável

Relacionadas

O jogador Jobson, que defendeu o Botafogo-RJ, saiu da prisão em Colméia (estado do Tocantins) na noite desta segunda-feira. Ele, que estava detido pelo crime de ter deixado, sem autorização da Justiça, a comarca onde responde por estupro de vulnerável, cantou a música do filme Frozen, "Livre Estou" para comemorar o fato.

Jobson, que nega o crime, esteve por dois meses detido na cadeia pública de Colméia e pagou uma fiança de 10 salários mínimos, e só foi autorizado a sair da prisão mediante a instalação de uma tornozeleira eletrônica.

O crime que teria sido cometido pelo jogador ocorreu na cidade de Marabá (PA), onde Jobson também já esteve preso por 70 dias, em junho do ano passado.

Uma das adolescentes, que teria sido abusada por ele, denunciou a situação à polícia após uma foto dela ter ido parar em um grupo de WhatsApp.

O jogador não pode atuar profissionalmente até o dia 31 de março de 2018. Quando jogava no futebol árabe, em 2015, seu clube, o Al Ittihad, o denunciou por ter se recusado a fazer o exame antidoping. Com isso, ele acabou sendo suspenso pela Fifa.

Veja o vídeo:

Jobson saiu da cadeia e comemorou cantando Let It Go, tema do filme Frozen. Ele ainda pretende retornar ao futebol pic.twitter.com/JUNG0tvHDA — HTE Sports (@HTE__Sports) 29 de agosto de 2017

MAIS SOBRE:

futebolJobsonFIFA [Federação Internacional de Futebol]Al Ittihad
Comentários