Jogador leva pedrada durante execução de hino, na Copa Sul-Americana; veja

Oscar Ribera, do Oriente Petrolero, foi atingido na cabeça antes da partida contra o Deportivo Cuenca, no Equador

Relacionadas

Um incidente violento e lamentável marcou a partida entre Deportivo Cuenca, do Equador, e Oriente Petrolero, da Bolívia, válido pela primeira fase da Copa Sul-Americana. Durante a execução do hino equatoriano, o lateral-direito Oscar Ribera, do time visitante, foi atingido na cabeça por uma pedra atirada pela torcida local.

O momento em que a pedra acerta o jogador foi captado pelas câmeras da transmissão da partida. Ribera ficou caído no chão sangrando e foi atendido pelos médicos do clubes. 

 

 

O início do jogo foi atrasado em alguns minutos em função do atendimento. Apesar do ferimento, Ribera foi mantido no time e começou a partida normalmente. 

Após empate por 1 a 1 no tempo regulamentar, o Oriente Petrolero avançou à segunda fase da Copa Sul-Americana ao vencer a disputa de pênaltis por 8 a 7. 

MAIS SOBRE:

futeboloriente petrolerodeportivo cuencaCopa Sul-americana
Comentários