Jogadores causam polêmica com comemoração que lembra usuário de cocaína

Sofian Chakla, do Mettila, da Segunda Divisão B da Espanha, se desculpa e diz que foi referência ao rapé

Relacionadas

Uma comemoração de gol gerou bastante polêmica no último domingo na Espanha. Pela Segunda Divisão B, no jogo entre Melilla e Cartagena, o zagueiro marroquino Sofian Chakla se aproximou de Heber Pena, que havia feito o gol, e eles comemoram com um gesto que lembra um usuário de cocaína. 

A atitude, claro, não pegou bem. O clube publicou um pedido de desculpas nas redes sociais. "Lamentamos o jeito que os nossos jogadores comemoraram na última partida... Acreditamos que a piada saiu do controle, mas, seja com ou sem intenção, não é a imagem que pretendemos passar do clube."

Envolvido no episódio, Sofian Chakla também usou sua rede social para se desculpar e explicar sua comemoração. Segundo ele, era uma referência ao rapé, um tipo de tabaco em pó para inalar, e que nunca faria uma comemoração neste sentido porque se sente um exemplo às crianças.

Para piorar, o Melilla perdeu de virada para o Cartagen por 2 a 1. 

 

MAIS SOBRE:

cocaína
Comentários