Jogadores se ajoelham em protesto contra racismo antes de jogo na Alemanha

Atletas de Borussia Dortmund e Hertha Berlin se juntam a onda de manifestações contra discriminação racial

Relacionadas

O Campeonato Alemão já está em sua reta final e o Borussia Dortmund continua a incessante busca por tirar o título das mãos do Bayern de Munique. A equipe venceu o Hertha Berlin em casa neste sábado, mas o que ficou marcado não foram somente os três pontos conquistados pelos aurinegros.

Os jogadores de ambas as equipes se ajoelharam antes do início da partida, fazendo parte da onda de protestos que tomou conta do mundo inteiro que teve início com o caso de George Floyd, homem negro que foi morto após um policial branco ajoelhar sobre seu pescoço durante oito minutos. A ocorrência foi nos Estados Unidos, mas tomou proporções globais.

Além do protesto em forma de agachamento, fazendo alusão a Colin Kaepernick, alguns jogadores vestiram camisas com mensagens contra a discriminação racial. As vestimentas traziam as palavras "preto", "branco", "amarelo" e "vermelho" riscadas. Abaixo, a palavra humano sem ser riscada, em alusão à mensagem de que somos todos iguais. Outras frases diziam "unidos juntos" e "sem justiça, sem paz".

Confira abaixo:

MAIS SOBRE:

futebolcampeonato alemão de futebolBorussia DortmundHertha BerlinGeorge FloydracismoColin Kaepernick
Comentários