Jogo do Liverpool é marcado por homenagens a torcedor tetraplégico morto

Daniel May era fanático pelo Plymouth, que encarou o gigante inglês

Relacionadas

Bem mais do que uma vaga na quarta fase da FA Cup, a partida entre Plymouth e Liverpool valia muito para os fãs do time do sudoeste inglês. Isso porque eles resolveram homenagear Daniel May, torcedor da equipe que, por causa de uma operação mal sucedida quando era bebê, ficou tetraplégico, cego e com paralisia cerebral e que morreu na última semana, aos 25 anos.

Por causa da idade de Daniel, aos 25 minutos de jogo todos os presentes ao estádio deram uma salva de palmas para homenageá-lo, além de serem expostas inúmeras bandeiras lembrando do garoto, um dos torcedores símbolos do Plymouth. A notícia de sua morte, inclusive, chegou até seu pai enquanto o mesmo estava em Anfield, onde acompanhava o time do coração jogando contra o gigante inglês.

Anthony Grice, um dos organizadores da homenagem, disse, em entrevista à BBC, que todo o dinheiro arrecadado na venda de bandeiras e outros produtos no evento seriam destinados ao Royal Surrey County Hospital, onde Daniel estava internado antes de morrer. "Isto é para dizer que estamos pensando em você".

MAIS SOBRE:

FutebolLiverpoolDanielBBCFutebol
Comentários