Jornal espanhol erra escudo do Flamengo ao noticiar interesse em Diego Costa

Marca repercute a informação do jornalista Jorge Nicola, da ESPN

Relacionadas

Não é a primeira e muito provavelmente não será a última vez em que escudos serão trocados. Dessa vez, o alvo da confusão foi o Flamengo e a dimensão foi internacional. Em uma reportagem de destaque, o jornal espanhol Marca noticiava o interesse do clube rubro-negro em tirar Diego Costa do Atlético de Madrid, mas acabou errando o símbolo da equipe brasileira.

Em vez do Flamengo, o distintivo escolhido para ilustrar a matéria do mercado de transferências foi o do Flamengo do Piauí. A notícia gira em torno da informação dada pelo jornalista Jorge Nicola, da ESPN, de que dirigentes do clube estão na Europa para tentar avançar nas negociações pelo jogador.

"Se na semana passada foram os jornais ingleses que aumentaram o interesse do Everton e do West Ham pelo atacante do Atlético, agora a ESPN garante que o atacante tenha feito novas ofertas. É sobre o Flamengo", descreve. Segundo as informações, Marcos Braz e Bruno Spindel, respectivamente vice-presidente de futebol e CEO do time, estão na Europa.

Ainda de acordo com a emissora brasileira, a diretoria do rubro-negro pensa em pagar entre 10 e 13 milhões de euros (R$ 42,2 milhões e R$ 54,8 milhões) pela contratação do atacante de 30 anos. O salário, no entanto, pode ser um problema: Diego Costa ganha 8,5 milhões de euros (R$ 35,8 milhões) por temporada.

 

MAIS SOBRE:

futebolFlamengo
Comentários