Kean sofre racismo e colega de Juve dá declaração polêmica: '50% culpa dele'

Treinador Massimiliano Allegri também comentou sobre o ocorrido na Itália

Lembram de Moise Kean? Na semana passada, o FERA contou como um trator quase fez a Juventus, da Itália, perder a jovem promessa. No fim deu tudo certo, tanto que o atacante de 19 anos voltou a marcar no duelo desta terça-feira com o Cagliari fora de casa. O que aconteceu depois de ele balançar as redes, no entanto, foi lamentável.

O jogador fez o segundo gol da Juventus, marcado já nos minutos finais da partida, que ampliou ainda mais a vantagem do clube no Campeonato Italiano: 18 pontos a mais do que o Napoli, segundo colocado. Mas as notícias boas param por aí. Na celebração, Kean foi alvo de insultos racistas.

O jovem atleta comemorou em frente da torcida adversária e logo foram ouvidos xingamentos e sons imitando um macaco. Ao perceber o que ocorria, Matuidi foi reclamar com a arbitragem. Os jogadores do Cagliari, adversários da Juve, pediram para que seus torcedores parassem com os xingamentos racistas.

Mas nem todos apoiaram o camisa 18. Leonardo Bonucci, zagueiro da Velha Senhora que fez o primeiro gol da vitória, deu uma declaração polêmica sobre o ocorrido. E não foi só ele: o treinador Massimiliano Allegri também comentou sobre a "culpa" de Kean. Confira as declarações abaixo.  

"Moise sabe que quando se marca um gol, é preciso comemorar com o time e pronto. Foi um momento ruim, Kean poderia fazer algo diferente e é isso. Acho que a culpa é 50-50: ele estava errado, os torcedores estavam errados", opinou o defensor. 

"Certamente ele poderia ter evitado. Moise é um menino que tem de aprender, às vezes ele tem pecados de juventude, mas ele tem grandes qualidades. Os xingamentos racistas? Nós não devemos dar bola para instigar, mas isso não significa que eu justifique certo comportamento. Certamente houve alguns idiotas, que devem ser levados e retirados do estádio", disse o técnico italiano. 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

BIANCO + NERI ⚪️⚫️ #NoToRacism

Uma publicação compartilhada por Blaise Matuidi Officiel (@blaisematuidiofficiel) em

MAIS SOBRE:

futebolJuventus de TurimLeonardo BonucciMassimiliano AllegriracismoMoise Kean
Comentários