Lateral do PSG critica técnico da França e é vítima de extorsão

Layvin Kurzawa decidiu denunciar o caso à Polícia e alguns suspeitos já foram presos

Relacionadas

Layvin Kurzawa, lateral-esquerdo do Paris Saint-Germain foi vítima de um episódio que vem dando o que falar na França. O atleta foi flagrado em um bar criticando o técnico de sua seleção e, por isso, está sendo chantageado.

O jogador achou que estava apenas no meio de amigos e não se atentou que uma pessoa filmava a conversa. Com isso na mão, alguns impostores entraram em ação e exigiram que Kurzawa pagasse 100 mil euros para que o áudio não fosse divulgado e o atleta não criasse uma polêmica com Didier Deschamps faltando menos de um ano para a Copa do Mundo.

Apesar desse risco, o companheiro de Neymar não se intimidou e decidiu procurar a Polícia, deixando o caso público. As autoridades agiram rápido e já prendeu três suspeitos em flagrante e ainda deteve outras duas pessoas, que podem ser cúmplices na trama.

REINCIDÊNCIA

O curioso é que esse tipo de caso não chega a ser uma novidade na seleção da França. Alguns anos atrás, o meia Mathieu Valbuena foi alvo de uma chantagem do atacante Karim Benzema, sobre um vídeo erótico que o atual jogador do Fenerbahce foi pivô.

MAIS SOBRE:

FutebolfutebolParis Saint-GermainFrança [Europa]NeymarExtorsão
Comentários