Lateral do United afirma que quase perdeu a perna direita por lesão

Lesão ocorreu durante um duelo pela Liga dos Campeões

Relacionadas

O lateral esquerdo Luke Shaw, do Manchester United, revelou nesta quarta-feira que esteve a ponto de perder a perna direita em 2015, quando sofre uma grave lesão durante uma partida da Liga dos Campeões.

"Mentiria se dissesse que não pensei em parar de jogar. Tive muitas complicações com a minha perna, foi o pior momento da minha carreira. Ninguém sabe o quão perto estive de perder a perna. Eu só soube seis meses depois, quando o médico me disse", afirmou.

O jogador quebrou a perna na derrota por 2 a 1 para o PSV Eindhoven, no dia 15 de setembro daquele ano. O placar ainda estava zerado, e Shaw foi substituído por Marcos Rojo aos 24 minutos do primeiro tempo. Depois desse jogo, desfalcou o time pelo restante da temporada para se recuperar.

"No entanto, é algo com o que já não me preocupo mais. Eu me sinto forte e minha perna direita está exatamente como era antes de quebrar", acrescentou.

Embora não tenha contado no passado com o apoio de José Mourinho, atual treinador do United, Shaw explicou que sempre se sentiu "um privilegiado" por fazer parte do clube.

Shaw, de 23 anos, foi convocado pelo técnico da Inglaterra, Gareth  Southgate, para as partidas contra Espanha, no sábado, e Suíça, na próxima na terça-feira.

 

 

MAIS SOBRE:

FutebolManchester United Football Clubfutebol
Comentários