Lavezzi causa polêmica na China ao tirar foto de olhos puxados

Argentino do Hebei Fortune alegou que fez pose durante sessão de fotos oficial da Superliga Chinesa

O atacante argentino Ezequiel Lavezzi se envolveu em uma polêmica na China nesta semana. Para uma sessão de fotos promocionais para o Hebei Fortune, clube que defende já mais de um ano, o jogador posou puxando os olhos e causou revolta no país. 

Após a má repercussão, Lavezzi soltou um comunicado, neste domingo, pedindo desculpas pelo gesto e que negou que o teria feito com intenção racista. 

"Por solicitação da Superliga Chinesa, tiramos as fotos oficiais para a temporada. Recebemos algumas instruções do fotógrafo oficial, e tentei fazer algumas fotos interessantes, com caras engraçadas, que seriam usadas depois para fins de entretenimento. Eu não tinha nenhuma intenção de insultar o povo chinês e não houve qualquer má intenção. Peço desculpas profundamente se esta foto ofendeu o público chinês e os torcedores. Vou ser mais cuidadoso no futuro", declarou Lavezzi. 

O Hebei também se manifestou, defendendo a postura do jogador desde que foi contratado. O clube também negou que tenha divulgado a foto. "Desde que se juntou a nós no início de 2016, Lavezzi está muito bem com o time e também é muito amado pelos fãs. Ele já expressou diversas vezes seu carinho pelo país. Já conversamos e ele deixou claro que não teve má intenção. Além disso, pediu muitas desculpas por qualquer ofensa."

 

 

MAIS SOBRE:

futebol China
Comentários