Leila Pereira promete Palmeiras entre clubes mais ricos do mundo em dez anos

Empresária também comenta sobre vontade de se tornar presidente do time alviverde

Relacionadas

Leila Pereira, presidente das duas empresas que patrocinam o Palmeiras, a Crefisa e a FAM, prometeu o Palmeiras entre os dez clubes mais ricos do mundo em uma década. A mandatária também comentou sobre a pretensão de se tornar presidente do clube.

"O tempo vai dizer. Nós temos um projeto. Temos de fazer a curto, médio e longo prazo. Eu vejo o Palmeiras em um patamar, entre os dez maiores do mundo, em dez anos. Estamos preparando isso agora para o futuro. Me sinto muito orgulhosa de estar participando desse momento mais do que especial do nosso Palmeiras", declarou Leila em entrevista ao portal Yahoo.

Hoje, o Palmeiras é 29º em arrecadação no mundo, tendo faturado R$ 688 milhões no ano de 2018 - em euros, são 158,75 milhões. De acordo com o estudo 'Football Money League', da consultoria Deloitte, o alviverde está logo à frente dos ingleses do Brighton & Hove Albion (157,4 milhões de euros - R$ 684,6 milhões) e atrás do Lyon (164,2 milhões de euros - R$ 714,2 milhões). Para ser décimo, o Palmeiras precisaria passar do Tottenham, que arrecadou 428,3 milhões de euros (ou R$1,857 bilhão) em 2018.

Sobre a intenção de se tornar presidente, Leila foi bem clara. "Muitas pessoas falam que faço isso porque quero ser presidente do Palmeiras. Poxa vida, tinham de se preocupar com quem tira dinheiro do Palmeiras e não com quem põe dinheiro no Palmeiras. Eu estou para colaborar, se posso colaborar cada vez mais não só em investimento, mas na minha experiência como empresária, por que não? Isso vai demorar ainda, em 2021, são projetos. Quem decide são os associados, mas se meu grupo entender que eu seria o melhor nome, por que não?", afirmou. Ela já havia dito isso ao Estadão.

Leila poderá ser candidata no Palmeiras na próxima eleição, que será disputada em 2021. Ela garantiu que, caso eleita, seguirá a linha de ação de Maurício Galiotte e que o time continuará sendo protagonista, brigando por todos os títulos possíveis.

MAIS SOBRE:

futebolPalmeirasLeila Pereira
Comentários