Líder da Coreia do Sul propõe Copa conjunta com a Coreia do Norte em 2030

Mundial de 2030 pode ser organizado pelos dois países, afirmou líder sul-coreano

Relacionadas

O presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-In, iniciou conversas com a Fifa para que a Copa do Mundo de 2030 seja realizada em seu país - e em conjunto com a Coreia do Norte. Outros países próximos, em nome da paz na região, também poderiam ser convidados a receber jogos do torneio. As informações são da agência de notícias sul-coreana Yonhap.

A proposta já teria sido levada ao presidente da Fifa, Gianni Infantino. Ele esteve na Coreia do Sul para assistir à vitória da Inglaterra sobre a Venezuela, por 1 a 0, na final do Mundial sub-20, neste domingo.

"Acredito que ajudaria a promover a paz na região se os países do nordeste da Ásia, incluindo as Coreias do Sul e do Norte, pudessem promover a Copa em conjunto", teria dito o presidente a Infantino.

O mandatário da Fifa admitiu a dificuldade da proposta, mas afirmou que um mundial nesses moldes passaria uma "mensagem poderosa". Infantino teria prometido a levar o assunto já nesta semana ao presidente da China, Xi Jinping.

MAIS SOBRE:

futebolFutebol
Comentários