Marcelo Moreno quer usar camisa do Cruzeiro por baixo do uniforme da Bolívia

Atacante também promete fazer 'flechada', comemoração tradicional da época que jogou no time mineiro

Relacionadas

A Bolívia enfrentará a Venezuela na tarde deste sábado no Mineirão, em Belo Horizonte, pela Copa América. Pelo menos um jogador da equipe conhece bem o campo: o atacante Marcelo Moreno, que fez grandes temporadas no Cruzeiro - tanto que quer usar a camisa da equipe azul por baixo do uniforme da seleção em que joga na partida.

"Se o presidente da Federação deixar, com certeza vou vestir a camisa do Cruzeiro por baixo. Não tenho nenhum problema. Sou cruzeirense e torcedor", afirmou o centroavante em entrevista coletiva nesta sexta, 21/06.

Se não puder, Moreno promete pelo menos comemorar atirando flechas, como fazia quando estava no Cruzeiro, depois chamou a torcida local para apoiar a Bolívia. "É lógico que eu conto com a torcida brasileira, em especial dos cruzeirenses. Convido todos a virem ao Mineirão. Se eu fizer um gol, prometo que irei comemorar com a flechada, vou fazer para relembrar os momentos marcantes que vivi aqui", projetou.

Moreno teve duas passagens pelo Cruzeiro: em 2007-08, quando foi artilheiro da Libertadores 2008, e em 2014, quando foi importante para a equipe conquistar o tetracampeonato brasileiro (segundo título consecutivo da equipe no torneio).

O jogo entre Bolívia e Venezuela será realizado às 16h deste sábado, mesmo tempo em que o Brasil enfrenta o Peru na Arena Corinthians, em São Paulo. Para ter chance de se classificar às quartas da Copa América, a seleção boliviana precisa vencer, o que lhe dá a possibilidade de avançar como um dos melhores terceiros colocados.

MAIS SOBRE:

futebolCruzeiro Esporte Clubeseleção boliviana masculina de futebolCopa América de Futebol
Comentários