Matheus Henrique conta que confundiu pano com tapioca em voo da seleção; assista

Volante revelou gafe em discurso de apresentação para os demais jogadores

Relacionadas

A seleção brasileira tem por tradição pedir aos novatos, aqueles jogadores convocados pela primeira vez, que façam discurso de apresentação. Em Cingapura, o goleiro Santos, os laterais Marcinho e Renan Lodi e o volante Matheus Henrique tiveram de subir na cadeira e falar para os demais atletas.

Todos contaram um pouco sobre sua história, cantaram uma música, mas coube a Matheus Henrique revelar uma pérola que matou os companheiros de rir. O jogador do Grêmio disse que nunca havia viajado de avião na primeira classe.

Na ida para Cingapura, ele foi em uma poltrona ao lado de Everton Cebolinha. "O avião estava escuro e a mulher veio com uma bandeja e começou a entregar para todo mundo com um pegador aquele paninho molhado. E estava quente. Pensei que era uma tapioca", disse e foi interrompido pela gargalhada dos outros jogadores. "Aí eu mordi, coloquei na boca. Quando fui falar com o Cebola, ele estava limpando o rosto", finalizou e foi aplaudido por todo elenco.

 

MAIS SOBRE:

futebolMatheus Henriqueseleção brasileira masculina de futebol
Comentários