Meia da Itália posta foto em apoio a refugiados e recebe críticas

'Você é rico, coloque todos eles na sua casa e veja se você vai se divertir', escreveu um dos seguidores

O meio-campista da Juventus Claudio Marchisio entrou em uma polêmica na Itália nesta quarta-feira, ao postar uma foto em suas redes sociais apoiando a campanha da Organização das Nações Unidas (ONU) em prol dos refugiados. Utilizando a hashtag #WithRefugees, o jogador de 32 anos postou a imagem no Facebook e no Instagram, em meio às homenagens ao Dia Mundial do Refugiado, celebrado ontem. 

Arrepiou! Nova música da seleção brasileira é sucesso na Rússia

Guerra de memes! Após empate, suíços provocam Brasil e torcida não perdoa

'Deuses' do futebol viraram obras de artes clássicas em museu russo

"Todos os dias, milhares de famílias são forçadas pelas guerras e pela violência a deixar suas casas e a realizar jornadas perigosas. Isso porque eles estão apenas buscando proteção, dignidade e um futuro melhor para seus próprios filhos. Acredito firmemente que é hora de pedir aos nossos líderes políticos para encontrar soluções concretas, tomando o lado dos mais fracos. E você, de que lado você está?", escreveu.   

Ao mesmo tempo em que recebeu elogios, a mensagem de Marchisio foi duramente criticada por alguns internautas. "Você é rico, coloque todos eles na sua casa e veja se você vai se divertir", escreveu um dos seguidores. Outro que divulgou ontem uma mensagem aos refugiados foi o papa Francisco, que pediu para que as pessoas não deixem o "medo" impedir de "acolher o próximo".

O Pontífice ainda criticou a política do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de separar crianças de seus pais na fronteira com o México. A Itália e a Europa vivem atualmente uma grande crise imigratória. O novo governo italiano, de cunho populista, formado pelos partidos Movimento 5 Estrelas (M5S) e Liga Norte (nacionalista), adotou uma política imigratória de não receber mais embarcações com estrangeiros no Mar Mediterrâneo.

MAIS SOBRE:

FutebolItália [Europa]Europa [continente]refugiadoClaudio Marchisioimigração
Comentários