Eliminados, japoneses limpam vestiário e deixam recado aos russos

Atitude prova que não é só da arquibancada que vem o exemplo japonês nesta Copa do Mundo

Não é só da arquibancada que vem o exemplo japonês nesta Copa do Mundo: os torcedores fizeram sua parte ao recolher o lixo dos estádios pelos quais passaram. Mas os jogadores também mostraram sua educação na maneira como deixaram o vestiário do estádio após a eliminação traumática contra a Bélgica. 

+ 'Polvo vidente' erra previsão do Japão nas oitavas da Copa e vira comida

+ Por que os belgas não falam nenhuma das línguas oficiais do país em campo?​

+ Dando destaque para Neymar, jornais europeus exaltam vitória brasileira

A partida foi do sorriso ao lamento: os belgas arrancaram uma virada de placar em 25 minutos quando estava 2 a 0 para a seleção japonesa. Mas nem isso foi suficiente para que os jogadores não cumprissem com seu já tradicional ritual de deixar o vestiário limpo após os jogos. 

Mas não foi só isso. Os asiáticos foram além: deixaram ainda uma plaquinha, escrita em russo, para agradecer ao povo local. "Spasibo" que pode ser traduzido como "obrigada". Junto da mensagem, mais uma surpresa: alguns origamis.

Agora, os vencedores belgas enfrentam o Brasil pelas quartas de final da competição, nesta próxima sexta-feira, às 15h (horário de Brasília), na Arena Kazan. 

 

MAIS SOBRE:

FutebolCopa do Mundo Rússia 2018 [futebol]Seleção Japonesa masculina de futebol
Comentários