Messi e Suárez apelaram para Neymar ficar, diz jornal: 'Não pode nos deixar agora'

Dupla teria se reunido com o brasileiro pedindo para ele não ir para o Paris Saint-Germain

Relacionadas

A possível transferência de Neymar para o Paris Saint-Germain continua sendo o principal assunto dos grandes jornais em todo o mundo. Dessa vez, o Sport, de Barcelona, revela que Lionel Messi e Luis Suárez, companheiros de ataque do brasileiro, se reuniram com ele para pedir que não vá embora.

"Você não pode nos deixar agora", teriam dito os atletas, segundo a publicação, que destaca ainda que a reunião durou cerca de uma hora e que os dois justificaram que eles ainda possuem muita coisa a conquistar juntos. Ainda de acordo com o Sport, Neymar deixou a conversa, às vésperas do jogo contra a Juventus, disputado neste sábado e com o camisa 11 marcando dois belos gols, convicto de que ficaria: "Eu fico", teria dito.

Já o Mundo Deportivo, outro jornal da Catalunha, disse que Ernesto Valverde, novo técnico do Barcelona, também teve uma conversa particular com o jogador. Após a vitória contra a Juventus, ele mostrou toda a sua admiração por Neymar: "Conhecemos a dinâmica do grupo e queremos ele conosco. É uma época de especulações, entendo, mas (Neymar) está conosco e contamos com ele".

Nos últimos dias, Neymar tem sido o principal assunto, principalmente dos jornais da Espanha e da França. No sábado, foi revelado até mesmo o salário que o brasileiro receberia no Paris Saint-Germain, na casa dos 30 milhões de euros (R$ 109,5 mi), além de parte nos lucros em empresas do dono do clube. Além disso, seu pai embolsaria a quantia de 100 milhões de euros (R$ 366 mi) com a mudança.

MAIS SOBRE:

FutebolMessiNeymarParis Saint-GermainLuis SuárezBarcelona [Espanha]Messifutebol
Comentários