Messi se defende após suposta ofensa a árbitro brasileiro: 'Xinguei o ar'

Argentino foi suspenso por quatro jogos por causa de confusão

Relacionadas

A punição recebida por Lionel Messi após ter xingado Emerson Augusto de Carvalho, bandeirinha brasileiro que trabalhou no jogo entre Argentina e Chile, pelas Eliminatórias da Copa, continua repercutindo. Suspenso por quatro jogos, o jogador do Barcelona enviou uma defesa para a Fifa para tentar revogar um pouco esse gancho e conseguir defender a sua seleção em jogos fundamentais rumo ao Mundial da Rússia.

"Minhas palavras jamais foram dirigidas ao assistente 1 (Emerson Augusto de Carvalho), mas ditas ao ar", disse o craque, em carta enviada à entidade e que foi divulgada pelo jornal La Nación. Ainda segundo o periódico, a defesa chegou à Fifa antes mesmo da punição ser anunciada.

No lance em questão, Messi se irritou com o árbitro assistente, que marcou uma falta em favor dos chilenos. Por causa disso, o argentino proferiu inúmeros xingamentos para o brasileiro e ainda se recusou a cumprimentar o mesmo ao final da partida.

MAIS SOBRE:

FutebolMessiArgentinaChileBarcelonaFifaMessi
Comentários