Na Alemanha, jogadores chamam a atenção por beijo na bochecha de colegas

Thuram, do Borussia Mönchengladbach e Boyata, do Hertha Berlin, quebraram o protocolo de distanciamento social

Relacionadas

O Campeonato Alemão voltou, mas com diversas mudanças para tentar evitar novas transmissões pelo coronavírus entre os atletas. Uma delas, a de manter a distância dos colegas de equipe nas comemorações, foi desrespeitada por Marcus Thuram, do Borussia Mönchengladbach e por Dedryck Boyata, do Hertha Berlin.

Após marcar o segundo gol do Mönchengladbach, Thuram inicialmente comemorou com uma dancinha a uma certa distância dos companheiros, antes de se aproximar de um colega de time. Veja no vídeo.

Já Boyatá deu um beijo na bochecha do colega Marko Grujic, durante a vitória do Hertha sobre o Hoffenheim por 3 a 0 - jogo que também contou com um golaço do brasileiro Matheus Cunha. Nenhum dos dois jogadores será punido por terem desrespeitado os protocolos, já que, segundo a liga, esta é apenas uma recomendação aos atletas.

Thuram, terá apenas o que comemorar neste sábado: o futebol voltou, ele marcou um gol e o Borussia Mönchengladbach venceu o Eintracht Frankfurt por 3 a 1, subindo para a terceira posição na tabela, atrás apenas de Bayern de Munique e Borussia Dortmund. Já o Hertha é o 11º colocado.

MAIS SOBRE:

futebolcampeonato alemão de futebolcoronavírusBorussia MönchengladbachHertha Berlin
Comentários