Narrador revela 'perseguição' após dizer que Ceni é 'chato pra c...'

Em áudio vazado de uma transmissão, Milton Leite 'criticou' o então goleiro do São Paulo

Relacionadas

Um dos mais famosos e queridos narradores de futebol do Brasil, Milton Leite é quase uma unanimidade entre os torcedores por causa de seus famosos bordões como "que beleza" e "agora eu se consagro". Porém, ainda há quem tenha problemas com ele.

Uma parte da torcida do São Paulo, por exemplo, não é fã do narrador. Isso, porém, por causa de uma frase dita por ele em um momento em que não sabia que estava no ar. Na ocasião, em um jogo entre Santos e São Paulo, Milton, durante uma conversa com seus colegas, disse que Rogério Ceni era "chato pra c...", o que não foi bem aceito por torcedores. Em entrevista ao UOL Esporte, ele, inclusive, revelou que já foi perseguido por alguns torcedores e foi ameaçado em alguns jogos que fez no Morumbi.

Para Milton, porém, tudo não passou de um mal entendido. "A seleção brasileira estava na Venezuela para disputar a Copa América. O Rogério estava com a seleção, inclusive. A gente estava esperando para entrar no ar enquanto estava rolando uma entrevista com ele. Por isso que disse que estava chato aquilo".

Segundo Milton, apesar dos problemas com os torcedores, o então goleiro e hoje técnico não deu a menor bola para isso e até fez brincadeiras: "Isso não deu em nada mesmo. Encontrei o Rogério depois, em aeroporto e hotel. Dois anos depois, quando o Rogério ganhou o prêmio dos melhores do Brasileirão, no programa do Galvão, ele brincou com isso. Disse que não iria me cumprimentar e passou direto. Depois, ele sentou do meu lado e ficamos conversando", contou.

MAIS SOBRE:

FutebolMilton LeiteRogério CeniGalvão Buenofutebol
Comentários