No dia do Orgulho LGBT, São Paulo, Inter e Grêmio declaram apoio à causa

28 de junho é data simbólica para o movimento em prol dos direitos civis desta parcela da população

Relacionadas

Neste dia 28 de junho, é celebrado o Dia Internacional do Orgulho LGBT. No Brasil, três clubes de futebol já declararam apoio à causa até o presente momento: São Paulo, Internacional e Grêmio - posteriormente, mais times postaram. Outros clubes já haviam demonstrado apoio no dia 17 de maio, que marca a luta contra o preconceito.

O São Paulo pediu que as pessoas repensem atitudes e afirmou que 'o amor irá prevalecer diante do ódio'. Grêmio e Inter ressaltaram que suas histórias foram construídas por pessoas de todos os gêneros e sexualidades. O colorado ainda iluminou o Beira-Rio nas cores da bandeira do movimento.

Nas respostas aos posts, a maior parte dos comentários foi de aprovação à atitude dos clubes em apoiar a causa. Também foram levantados debates por quem considera a homenagem desnecessária e pediu que os clubes se ativessem ao futebol.

O dia 28 de junho é considerado o dia do Orgulho LGBT devido à 'revolta de Stonewall', série de protestos violentos ocorridos a partir desta data em Nova York, em 1969, que começou a luta pelos direitos civis desta parcela da população. O estopim para a revolta foi a invasão do bar Stonewall, frequentado por pessoas da comunidade, pela polícia. 

MAIS SOBRE:

futebolSão Paulo Futebol ClubeGrêmioInter [Sport Club Internacional]homossexualidade
Comentários