No 'tapetão', sócio do Barça quer tirar 4 Copas do Rei do Real Madrid

Joaquim Molins argumenta que torneios conquistados pelo rival não teriam sido organizados de maneira oficial

Relacionadas

Parece que o advogado do Fluminense já conseguiu exportar os seus serviços. Segundo o jornal Sport, em matéria desta sexta-feira, o sócio do Barcelona Joaquim Molins quer tirar "no tapetão" o tetracampeonato do Real Madrid na Copa do Rei entre 1905 e 1908. 

A justificativa do pedido seria a recusa, em 2007, da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) em validar o título da Copa do Presidente da República de 1937, conquistada pelo Levante. A entidade negou o pedido por considerar que o torneio, disputado paralelamente à Guerra Civil Espanhola, não havia sido organizado por ela. 

Para a federação, uma competição é oficial quando é organizada pela instituição ligada à Fifa. No entanto, a RFEF foi fundada apena em 1909, como Federação Espanhola de Clubes de Futebol, o que invalidaria as sete taças anteriores. 

 

 

Por outro lado, o próprio Barcelona poderia ser prejudicado pela petição de Joaquim Molins. Isto porque a atual entidade apenas se filiou à Fifa em 1913, mesmo ano em que foi batizada pelo nome atual. Na data em que a RFEF foi admitida na Fifa, o Barcelona já tinha conquistado duas Copas do Rei, em 1910 e 1912. 

Atualmente, o Barcelona é o maior vencedor da taça, com 28 títulos e 11 vice-campeonatos, com o Athletic Bilbao na segunda colocação, com 23 conquistas e 14 vices. O Real Madrid é o terceiro, com 19 troféus e 20 derrotas em finais. 

 

PRIMEIROS CAMPEÕES DA COPA DO REI

1903 - Athletic Bilbao

1904 - Athletic Bilbao

1905 - Real Madrid

1906 - Real Madrid

1907 - Real Madrid

1908 - Real Madrid

1909 - Ciclista

1910 - Barcelona (organizado pela federação) e Athletic Bilbao (organização paralela)

1911 - Athletic Bilbao

1912 - Barcelona

1913 - Racing de Irún (organizado pela federação) e Barcelona (organização paralela)

MAIS SOBRE:

futebolfc barcelonacopa do reiReal Madrid
Comentários