Özil se oferece para bancar salário de funcionário mascote do Arsenal

Meia se coloca a disposição para pagar os vencimentos de Jerry Quy, torcedor responsável pelo mascote desde 1993

Relacionadas

O meia Mesut Özil, do Arsenal, se ofereceu para bancar o salário do funcionário que interpreta o mascote do clube, o dinossauro "Gunnersaurus". O Arsenal suspendeu o contrato de Jerry Quy, torcedor responsável pelo mascote desde 1993, para cortar custos em razão da pandemia do coronavírus.

"Fiquei tão triste que Jerry Quy, também conhecido como nosso famoso e leal mascote Gunnersaurus e parte integrante do nosso clube, foi demitido após 27 anos. Sendo assim, estou me oferecendo para reembolsar o Arsenal com o salário integral do nosso grande 'cara verde' enquanto eu for jogador do Arsenal para que Jerry possa continuar seu trabalho que ele tanto ama", escreveu Özil.

A informação que o Arsenal iria suspender o contrato de Jerry Quy foi divulgada pelo site inglês The Athletic. Desde então, torcedores criaram uma campanha para arrecadar fundos e manter o funcionário como mascote. "É um ícone do clube e não podemos deixá-lo sair", diz a campanha.

O ídolo do clube Ian Wright, que atuou na década de 90, havia lamentado a notícia em seu Twitter. "Notícia terrível. Eu te amo Jerry", escrevera o ex-jogador.

MAIS SOBRE:

futebolArsenal Football Club [Inglaterra]Mesut Özil
Comentários