Pai de Reinier já jogou profissionalmente por equipes da Espanha

Mauro Brasília atuou por quatro anos em times de futebol de salão

Relacionadas

Contratado pelo Real Madrid junto ao Flamengo na última segunda-feira, o meia Reinier não irá para um país desconhecido, já que seu pai, conhecido como Mauro Brasília, jogou por quatro anos profissionalmente por equipes da Espanha no futebol de salão.

O Real fechou com Reinier, de 18 anos, até junho de 2026 e anunciou que o deixará na equipe B durante esta temporada assim que ele se apresentar, o que acontecerá ao final do torneio pré-olímpico sul-americano, disputado na Colômbia.

O jovem jogador foi contratado com o precedente do pai, Mauro Lucius Graca Parente Carvalho, mais conhecido como Mauro Brasília, que em 1992 iniciou a sua trajetória na Espanha. "Mauro Brasília, como o chamávamos, chegou a Ceuta (cidade espanhola) em outubro do ano de 1992, quando o time chamado Polícia Local estava na Primeira Divisão A do futebol de salão (equivalente à terceira divisão) no momento da criação da Liga Nacional", comentou à Agência Efe Juan Manuel López, que foi técnico do pai de Reinier.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

⚽️| @lucasfigfoto Seguimos... @iagomap

Uma publicação compartilhada por Reinier Jesus (@reinier.jesus) em

Juanma lembrou que a equipe humilde, na época formada em sua maioria por agentes policiais, decidiu se reforçar ao subir da segunda divisão para a elite. "Ele foi campeão mundial pelo Brasil no ano de 1985 e chegou a Ceuta na parte final da carreira, já que quando chegou aqui tinha 33 anos", lembrou o técnico, que atualmente dirige a equipe feminina de futsal do Hércules.

O pai de Reinier estreou em outubro de 1992 em Tenerife contra o La Laguna, com derrota por 5 a 3. No total da temporada, disputou 26 jogos e marcou 22 gols. "Ele jogava de fixo, era canhoto, muito profissional, e seu posicionamento em quadra era incrível. Foi um exemplo para os jogadores mais jovens do clube", recordou Juanma.

Mauro ajudou o Polícia Local a subir para a chamada Divisão de Prata, a segunda categoria da liga nacional espanhola. A partir de então, o time passou a se chamar Ceuta Reebok. "Nesse ano, graças a Mauro, veio também do Brasil um jovem chamado Neto e eles foram fundamentais para que não fôssemos rebaixados", destacou.

Depois do encerramento da temporada 1993-1994, o Ceuta decidiu apostar em novos valores, e o pai de Reinier saiu para jogar por Zaragoza e depois Salamanca, até voltar para o Brasil, em 1996. "Ele era muito profissional, isso era notório, e era também muito humilde e agregador", elogiou o treinador, que recentemente conversou com Mauro Brasília por telefone.

"Eles estão muito contentes e gratos. Ele me disse que agora é o empresário do filho junto com outro agente e consideram que o filho realizou um sonho", disse Juanma, que revelou um desejo especial de Mauro para quando Reinier se apresentar ao Real.

"Mauro quer estar em Ceuta quando vier para a Espanha com o filho. Ele deixou muitos amigos aqui e será recebido de portas abertas. Vamos recordar velhos tempos, estamos muito felizes por seu filho jogar no Real Madrid", declarou. Rafael Peña./ Com informações da agência Reuters

MAIS SOBRE:

futebolReinier
Comentários