Palermo vai gastar 10 mil euros por um sorvete arremessado em juiz

Eugenio Abbatista foi atingido pelo cone no braço direito, mas escapou ileso do incidente

Relacionadas

O Palermo vai gastar 10 mil euros por causa de um único sorvete. O decisão vem do juiz de esportes da Série B, que multou o clube italiano pelo lançamento de um cone no árbitro Eugenio Abbatista durante a segunda metade da partida contra o Foggia.

Jornal catalão garante, de novo, Neymar no Real Madrid em 2019

Meia do Juazeirense sofre infarto durante treino e morre aos 32 anos

Nas redes sociais, Vitória é provocado pelo governo da Bahia após derrota

Assim que o árbitro mostrou cartão vermelho ao meio-campista do Palermo, Igor Coronado, ele foi atingido pelo cone no braço direito, mas escapou ileso do incidente. Além de ter de pagar multa de 10 mil euros, cerca de R$ 40,7 mil, o time também foi derrotado por 2 a 1. 

O sorvete siciliano, agora, entra no hall dos objetos mais estranhos que já 'choveram' no campo durante uma partida de futebol: donouts, moedas, bolinhas de tênis, banana, scooter e até um porco pequeno já foi arremeçado na liga polonesa. Fora aquela outra vez em que uma cabeça de porco foi lançada contra Luís Figo pelos adeptos do Barcelona. 

MAIS SOBRE:

futebolPalermosorvete
Comentários