Palmeiras tem 'garantia' do Esporte Interativo caso não feche com a Globo

Equipe pode receber uma cota de TV aberta igual a que teve direito em 2017

Relacionadas

Nos últimos dias o Palmeiras recusou a proposta da Rede Globo pelos direitos de transmissão para TV Aberta e pay-per-view do Campeonato Brasileiro do ano que vem. Isso por conta de uma redução no valor, devido ao acordo do clube com o Esporte Interativo. Se mantiver a decisão de não assinar com a emissora, a equipe tem a garantia do canal EI de receber uma cota de TV aberta igual a que teve direito em 2017, como está previsto no contrato. Assim, de acordo com informações dadas no blog do Rodrigo Mattos, o prejuízo seria somente devido à perda do PPV.

Torcedor ofende repórter do SporTV e é expulso da semifinal do Gaúcho

Nem Messi nem CR7: Saiba quem é o jogador de melhor custo-benefício da Europa

Clube recebe ajuda de rivais depois de ter material de jogo roubado

As conversas entre as partes devem continuar nos próximos meses, mas o Palmeiras tem sido resistente ao negar a redução do valor. O time quer as mesmas condições dos outros clubes que assinaram só com a Globo: divisão das cotas de aberta em 40% igualitária, 30% por exibição e 30% por posição no campeonato.

Diferente dos outros clubes, como o Santos que topou a redução no valor, a equipe alviverde vê com bons olhos ter essa garantia em uma negociação como esta. No último balanço disponível, de 2016, o Palmeiras levou um total de R$ 128 milhões do contrato com a Globo. Com a maior parte do valor focada na TV aberta e pay-per-view, o clube pode conseguir algo em torno da metade desse valor como garantia. 

MAIS SOBRE:

FutebolPalmeirasCampeonato Brasileiro de FutebolRede GloboEsporte Interativotelevisão
Comentários