Patrocinador do Botafogo, Felipe Neto reclama e clube demite treinador

Youtuber detonou Marcos Paquetá antes de demissão, após derrota para o Nacional do Paraguai

Relacionadas

Pouco tempo depois de o Botafogo perder para o Nacional do Paraguai por 2 a 1, em Assunção, no jogo de ida pela segunda fase da Copa Sul-Americana, o clube anunciou a demissão do técnico Marcos Paquetá – a demissão ocorreu após o empresário e youtuber Felipe Neto, patrocinador do clube, ter criticado muito o trabalho do treinador.

"Técnico do Botafogo. Grande experiência no futebol da Líbia. Muito famoso no Qatar. Grande trabalho feito no Paquistão. Alguém quer contratar? Por favor... Eu pago a passagem", desabafou Felipe Neto no Twitter. Em seguida, o youtuber respondeu para um torcedor que sugeriu que ele enviasse a mensagem para a diretoria do clube. "Eu já cornetei tanto lá dentro que eu falo 'oi' e eles já respondem 'já sei, fora Paquetá'". 

O treinador deixa o comando da equipe depois de cinco partidas, sendo quatro derrotas e apenas uma vitória. Marcos Paquetá assumiu o Botafogo em 26 de junho na vaga de Alberto Valentim durante a pausa para a Copa do Mundo da Rússia.

Felipe Neto ainda resolveu escrever sobre como pensa o futebol e mais uma vez fez novas críticas a Marcos Paquetá. A reclamação do youtuber foi tanta que sobrou até para a direção do clube. "Futebol é feito de composição tática, posicionamento, sis... tema de recomposição, variação de esquema, flutuação de linhas, estudo de adversários. Não é feito só de caneta e influência. Não se estuda futebol no Brasil, só gestão de clube. Nada irá mudar enquanto a mentalidade não mudar".

 

MAIS SOBRE:

futebolBotafogoFelipe NetoMarcos Paquetá
Comentários