Perto da Copa, Neymar admite: 'Preciso perder o medo o mais rápido possível'

Jogador foi entrevistado por Zico para o seu canal no Youtube

Relacionadas

Cada vez mais perto do retorno aos gramado, Neymar abriu o jogo sobre sua recuperação em entrevista ao canal do Zico no Youtube. Em um bate-papo de vinte minutos, o craque da seleção brasileira revelou o receio de voltar a jogar após a lesão em seu pé direito.

Nova camisa do Manchester United é feita com o plástico retirado dos oceanos

Assista: Ederson bate recorde com tiro de meta mais longo da história

Feliz no Liverpool, Salah dá recado ao Real: 'não vou a lugar nenhum'

"Comecei a andar novamente, mas sempre tem aquele medo de voltar. Preciso perder esse medo o mais rápido possível para chegar na Copa voando. No começo, a gente fica com receio de fazer o movimento todo e vai meio que compensando", contou no bate-papo antes de voltar a Paris e se reapresentar ao PSG.

O jogador também falou que seria poupado no jogo seguinte ao que teve a lesão. "Eram dois jogos importantes contra o então segundo melhor time da França (Olympique). Jogávamos contra eles na Liga, ia ter outro jogo pela semifinal da Copa da França e depois outro da Liga em que eu seria poupado. Já tinha sido conversado isso dois dias antes".

Questionado sobre a Copa de 2010, Neymar admitiu: "Criei uma expectativa quando todo mundo começou a pedir e falar o meu nome e o do Ganso. Fiquei muito ansioso de ir à Copa. Para jogar, eu não estava preparado". 

Falando sobre a edição seguinte, o atacante comentou a esperança depositada no time depois de terem vencido a Espanha na Copa das Confederações. "O lado bom de ser o camisa 10 da seleção é que quando vence são mil maravilhas, mas quando perde não tem como", sintetiza.

Mudando de assunto, o jogador comentou sua passagem pelo Barcelona e sua sintonia com Messi e Suárez. "O Suárez foi a cereja do bolo no trio. Ficamos inseparáveis e tínhamos um entrosamento enorme. No olhar, nós já sabíamos o que fazer", revela.

MAIS SOBRE:

FutebolNeymarZico [Arthur Antunes Coimbra]YoutubeParis Saint-Germainseleção brasileira masculina de futebolCopa do Mundo Rússia 2018 [futebol]
Comentários