Polícia Militar impede criança com rosto pintado de entrar no Allianz Parque

Pai teve que lavar o rosto da filha para poder assistir o jogo do Palmeiras

Relacionadas

Horas antes da partida entre Palmeiras e Botafogo, uma pequena polêmica foi criada nas redes sociais. De acordo com Edgar Nepomuceno, sua filha, Maria Eduarda, de sete anos, foi impedida de entrar no Allianz Parque porque estava com o rosto pintado de verde e branco. Segundo o torcedor, a Polícia Militar informou que ninguém poderia ingressar no estádio com o rosto coberto. 

Horas antes, Edgar havia colocado uma foto da filha pintada e uniformizada para a partida diante do Botafogo, que pode decretar o fim de 22 anos sem título brasileiro do Palmeiras. 

"Falei [que ela] é apenas uma criança, [mas] nada adiantou!", publicou Nepomuceno minutos depois. Rapidamente, várias outras pessoas retweetaram a foto criticando a atitude da polícia. Em contato feito pelo Fera, a assessoria de imprensa da polícia não confirmou o incidente. 

 

 

 

 

 

 

Matéria atualizada em 21 de novembro, às 8h48 

MAIS SOBRE:

futebolpolicia militarPalmeiras
Comentários