Presidente do Conselho do Vasco detona homenagem às vítimas: 'demagogia barata'

Clube cruzmaltino homenageou os dez meninos usando a bandeira do Flamengo na camisa

Relacionadas

O gesto do Vasco de usar a bandeira do Flamengo no uniforme do jogo desta quarta-feira tem causado polêmica nas redes sociais - e fora delas. A ação foi pensada e feita em homenagem às vítimas do incêndio no Ninho do Urubu, CT do clube rubro-negro, mas não agradou a todos.

Ao mesmo tempo em que parte da torcida do Vasco e do Flamengo ovacionaram a ideia do modelo que conta com uma bandeira de ambos os clubes na parte central da camisa e com os dizeres "em frente, juntos", outras figuras de dentro do clube cruzmaltino desaprovaram a ação.

Presidente do Conselho Deliberativo do clube, Roberto Monteiro criticou a atitude do departamento de marketing referendada por Alexandre Campello, presidente do Vasco. "Alexandre Campello, na tentativa desesperada de atrair holofotes, desonrou o que temos de mais sagrado: nossa camisa", criticou.

Monteiro chamou a homenagem de "demagogia barata", afirmou que fere o estatuto do clube e ainda "ajuda o grande responsável pela tragédia a assumir o papel de vítima". A publicação está sendo bastante comentada, mas a maior parte dos vascaínos critica a opinião de Monteiro e apoia a homenagem aos dez meninos que morreram no incêndio.

"Sou vascaíno apaixonado pelo meu time e muito me agrada ver meu time ter essa atitude que só um time feito de gigantes é capaz de ter", defendeu um dos torcedores. "Bom, já que vc reprovou a atitude já sei que foi bom pro Vasco", ironizou outro. 

"É justamente por causa de pensamentos pequenos, como este do presidente do Conselho Deliberativo do Vasco, Roberto Monteiro, que a violência no futebol cresce a cada ano. Não somos inimigos e podemos se solidarizar sim com nossos rivais desportivos. Bela homenagem", analisou outra postagem.

No jogo da homenagem, o Vasco bateu o Resende por um placar de 3 a 0 e manteve os 100% de aproveitamento no Campeonato Carioca, no qual chegou à sexta vitória seguida. Com a vitória, o clube garantiu vaga na decisão da Taça Guanabara.

 

MAIS SOBRE:

futebolVascoFlamengoAlexandre CampelloincêndioNinho do Urubu
Comentários