Quanto custou ao Palmeiras e à Crefisa cada gol marcado por Borja?

Contratado por R$ 33 milhões, colombiano jogou 38 partidas e marcou oito gols no alviverde

Relacionadas

O gol na vitória por 2 a 0 sobre a Ponte Preta, pela 28ª rodada do Brasileirão, nesta quinta-feira, 19, foi o primeiro de Miguel Borja pelo Palmeiras desde 21 de junho, no triunfo por 1 a 0 contra o Atlético-GO, pela 9ª rodada. 

Desde que foi contratado, em fevereiro, o colombiano já fez 38 partidas pelo clube, sendo oito no Campeonato Paulista, quatro na Copa Brasil, 19 no Brasileirão e sete na Libertadores. Neste período, ele marcou apenas oito gols, sendo quatro no estadual e quatro no nacional. 

 

 

Contando que sua contratação custou R$ 33 milhões, como publicado pelo Estado, isto significa que cada gol marcado por ele R$ 4,125 milhões. Fazendo a divisão pelos seus jogos, o custo benefício fica um pouco melhor, com R$ 868,421 por partida. 

Também segundo o Estado, Borja recebe salário total de R$ 350 mil, sendo R$ 200 mil bancados pela Crefisa, principal patrocinadora, e R$ 150 mil pelo clube. 

Somando, então, o valor da transferência (R$ 33 milhões) e a quantia paga nos meses completos em que ele jogou no alviverde, entre março e setembro (R$ 2,45 milhões), cada gol do camisa 9 custou R$ 4,431,250 e, cada jogo, R$ 932,894. 

 

 

MAIS SOBRE:

futebolMiguel BorjaPalmeiras
Comentários