'Ronaldo nunca quis subir na balança', afirma ex-companheiro do brasileiro

Stéphane Dalmat afirma que o peso era motivo de conflito quando o brasileiro vestia a camisa da Inter de Milão

Relacionadas

Durante a passagem de Ronaldo pela Inter de Milão, o brasileiro nunca quis se pesar e sua atitude era motivo de discórdia com o técnico Héctor Cúper. Pelo menos é o que afirma o ex-meio-campista Stéphane Dalmat.

Dalmat foi companheiro de Ronaldo no começo dos anos 2000 e afirmou em entrevista à emissora RMC Sport que o ex-jogador e o técnico argentino entravam em conflito quando o assunto era o peso.

"Com (Héctor) Cúper, todas as terças de manhã nós tínhamos que se pesar e Ronaldo nunca quis subir na balança. Era um assunto psicológico, não queria ver seu peso porque era algo que o incomodava", afirmou. 

"Havia tensão e muitas vezes podia acabar mal. Cúper era muito rigoroso com isso, mas Ronaldo não queria saber e nunca se pesou", completou Dalmat. 

Ronaldo vestiu a camisa de Inter de Milão de 1997 a 2002. Já Héctor Cúper dirigiu o clube entre 2001 e 2003. O treinador permaneceu na equipe após a saída do brasileiro para o Real Madrid.

 

 

MAIS SOBRE:

futebolRonaldinhoInter de Milão [Internazionale]
Comentários