Rooney fez discurso emocionante e chorou no vestiário após despedida

Último jogo do atleta com a camisa da seleção inglesa aconteceu nesta quinta-feira

Relacionadas

A despedida oficial de Wayne Rooney com a camisa da seleção inglesa aconteceu nesta quinta-feira, quando o time inglês derrotou os Estados Unidos por 3 a 0, com dois gols marcados antes do intervalo do amistoso. Após a partida, o jogador fez um discurso emocionante e chorou no vestiário.

"Wayne fez um grande discurso no fim", revelou o técnico Gareth Southgate. De acordo com o jornal inglês The Sun, o atleta não segurou as lágrimas em seu discurso de despedida e emocionou quem estava no local.

"É difícil retornar a um vestiário onde a equipe é diferente e muitos jogadores também. Mas ele foi brilhante. Ele falou sobre o que significou jogar pela Inglaterra, e o que deveria significar para os jogadores que estavam estreando", acrescentou Southgate.

No jogo, Rooney entrou em campo somente no segundo tempo e foi ovacionado pelo público. Antes do início da partida, ele e seus três filhos entraram em campo para receber uma placa comemorativa das mãos de Harry Kane, seu sucessor no ataque da seleção. O jogador, que não balançou as redes, completou seu jogo de número 120 pela equipe.

"Aconteceu como eu esperava. Foi uma linda maneira de encerrar minha carreira pela seleção, e os meninos foram brilhantes. O futuro (da seleção) está em boas mãos depois de tudo que vi nessa última semana", declarou Rooney.

 

 

MAIS SOBRE:

FutebolWayne Rooneyseleção inglesa masculina de futebolfutebol
Comentários