Sem acordo com a Globo, amistosos da Seleção vão passar na TV Brasil

CBF comprou horário na emissora estatal e pode anunciar novos parceiros nesta semana

Relacionadas

Sem acordo financeiro com a Rede Globo, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) comprou um horário na TV Brasil, emissora estatal, para transmitir os amistosos da Seleção Brasileira contra Argentina e Austrália, que acontecem em Melbourne (Austrália), nos dias 9 e 13 de junho.

Segundo informações do portal UOL, a entidade ainda contratou Pelé para comentar os dois jogos.

A Band deve ser anunciada ainda nesta semana como parceira da CBF. A operadora de TV a cabo Vivo também estaria perto de um acordo para exibir as partidas em celulares. Os jogos ocorrem às 7h (horário de Brasília).

A transmissão será feita por meio do esquema de 'tubo' (do estúdio, e não do campo), diretamente dos estúdios da CBF, no Rio de Janeiro. Pelo menos 50 funcionários vão trabalhar no Brasil e na Austrália.

Em janeiro, no amistoso contra a Colômbia em homenagem às vítimas da tragédia aérea da Chapecoense, a CBF testou o modelo. Na ocasião, cedeu gratuitamente o sinal para emissoras de todo mundo, além de ter liberado a exibição de vídeo em redes sociais.

De acordo com informações do Blog do Ohata, no UOL, "dentro da confederação, são levadas fortemente em conta as possibilidades abertas com as novas tecnologias como as mídias sociais" para exibir os jogos da Seleção.

A Rede Globo, em nota oficial, disse "respeitar" a decisão. Leia um trecho:

"O Grupo Globo defende um mercado de concorrência e acredita que tem a melhor solução de visibilidade e envolvimento para os eventos da nossa seleção, tanto pela audiência quanto pela qualidade de transmissão e modelo econômico, mas respeitamos se a CBF pensa diferente.

Nós mantemos o nosso compromisso como futebol e o nosso interesse em continuar trabalhando com a CBF na construção de acordos que sejam bons para todos -para a própria CBF, para o Grupo Globo, para anunciantes e suas marcas, mas sobretudo para o público torcedor apaixonado pelo futebol e pela seleção brasileira.''

MAIS SOBRE:

futebol CBF Pelé Futebol
Comentários