Sergio Ramos diz que família recebeu ameaças de morte por lance com Salah

Espanhol também defendeu Luka Modric como melhor do mundo

Relacionadas

Sergio Ramos foi um dos destaques do duelo entre Inglaterra e Espanha válido pela Liga das Nações. O zagueiro foi muito vaiado durante toda a partida em Wembley, que terminou na vitória dos espanhóis por 2 a 1. Após o jogo, como é de costume, Sergio Ramos não fugiu das polêmicas. 

Questionado sobre o prêmio Fifa 'The Best', que coroa o melhor jogador do mundo, o atleta do Real Madrid defendeu seu companheiro de equipe Luka Modric afirmando que os outros concorrentes, Mohamed Salah e Cristiano Ronaldo, são jogadores apenas com "mais marketing". 

“É um grande amigo e, além disso, há poucos jogadores de quem sinto tão orgulhoso de ter na minha equipe. É um grande craque. É dos poucos que se ganhar me alegrará como se dessem para mim. Talvez tenha jogadores com mais marketing, com mais nome, mas Modric merece esse prêmio”, analisou.

Os torcedores britânicos presentes no estádio também se mostraram ressentidos com o zagueiro espanhol pelo lance com Salah, do Liverpool, na final da Liga dos Campeões. "No fim a gente acaba sentindo, mas me mantenho de fora disso. Não influencia no meu jogo", ponderou, antes de completar. 

"Gostaria de outra recepção, porque as pessoas se prendem em um lance específico da final e não se lembram das ameaças de morte que minha família recebeu. É um tema delicado que as pessoas levam como piada. Minha consciência está tranquila", contou. 

 

MAIS SOBRE:

FutebolSergio RamosLuka ModricInglaterra [Europa]Real Madrid Club de FutbolMohamed SalahEspanha [Europa]Cristiano RonaldoLiverpool Football ClubLiga dos Campeõestorcida
Comentários